Futebol Saudade

Desde que, há mais de 100 anos, se fez o primeiro campeonato de futebol em Portugal, que a "passerelle", que é a vida desportiva, viu desfilar milhares de clubes.
Uns ainda hoje existem, pujantes e vigorosos até, outros, embora perdendo protagonismo, ainda resistem. Mas muitos ficaram pelo caminho.
Passaram ao futsal, deixaram o desporto, ou fecharam mesmo as portas. É dos que partiram (e não só), que aqui vamos tentar deixar a memória.




quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Clubes de Barcelos

Barcelos era vila de muita actividade no futebol, no início dos anos 20.
Um dos seus clubes mais activos era o União Futebol Clube Barcelense. Mas na vila havia outros, como se comprova da leitura de um dos jornais locais. No caso, o Barcelense, que dá conta, na edição de 31 de Maio de 1924, da fundação de um clube chamado Sport Clube de Barcelos, e que tem como presidente o conde de Vilas Boas. Este clube será eclético, como se comprova tempos depois, com a publicação dos seus responsáveis pelas diversas secções, onde se contam o remo, natação, tiro, equitação, golf e desportos atléticos.
Entretanto, outros se extinguiam. É o caso do Portugal Sport Clube Infantil, com o jornal a dar conta da entrega do seu espólio ao Recolhimento do Menino Deus, o que se relata em 7 de Junho de 1924.
A 9 de Agosto, o jornal anuncia a criação do Alegria Futebol Clube Barcelense.
Outro clube então existente era o Triunfo Sport Clube.
A 2 de Maio de 1925, o jornal que vimos citando, referia que, com o aplauso da maioria dos sócios do União Futebol Clube Barcelense e do Triunfo Sport Clube, fora resolvida a fusão destes 2 clubes, e que estes passariam a ser o Clube Desportivo de Barcelos. Logo a 13 de Junho, os seus sócios eram convocados para uma reunião, que teria lugar no teatro Gil Vicente.

Sem comentários: